Guia do Investidor
Fonte/Reprodução
Notícias

Incertezas na Petrobras: acionistas em alerta

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

  • Acionistas da Petrobras (PETR4) enfrentam dilemas sobre recebimento de dividendos e permanência do CEO.
  • Postura cautelosa dos investidores reflete-se na redução do volume de negociações de PETR4.
  • Ações da Petrobras mantêm estabilidade, com leve tendência de alta, apesar da baixa volatilidade.
  • Volume de negócios abaixo do padrão indica hesitação dos investidores.
  • Importância dos dividendos da Petrobras ressaltada pelo secretário-executivo do Ministério da Fazenda para os esforços fiscais do governo.
  • Incerteza em torno das decisões da Petrobras impacta diretamente o comportamento dos investidores e o volume de negociações de PETR4.

Os acionistas da Petrobras (PETR4) enfrentam um impasse nesta segunda-feira (8), deparados com a decisão de receber ou não mais dividendos, e a incerteza sobre a permanência do atual CEO da empresa. Esses dois dilemas estão exercendo uma influência direta sobre as decisões de compra e venda das ações.

Leia mais  Mudanças no Perse geram economia de 30 bi

Em resposta à falta de clareza sobre essas questões, os investidores estão adotando uma postura cautelosa, o que se traduz em uma redução significativa no volume de negociações de PETR4 na B3. A volatilidade das ações também parece ter diminuído, com o volume de negócios atualmente abaixo do padrão, destacando uma hesitação generalizada entre os investidores.

No momento, as ações da Petrobras estão mantendo uma estabilidade relativa, com uma leve tendência de alta. É notável o contraste com o volume de negociações, que está consideravelmente abaixo do usual em comparação com outras ações, como VALE3.

O volume negociado até o momento é significativo, com uma previsão de aumentar até o final do pregão. No entanto, permanece abaixo dos volumes observados em dias anteriores, sinalizando uma certa aversão ao risco por parte dos investidores devido à incerteza que paira sobre a empresa.

Além disso, o secretário-executivo do Ministério da Fazenda enfatizou a importância dos dividendos da Petrobras, juntamente com os da Eletrobras e Caixa, para os esforços fiscais do governo. Isso destaca ainda mais a relevância das decisões em torno dos dividendos da Petrobras, não apenas para os acionistas, mas também para as finanças públicas.

Leia mais  B3 vai pagar R$ 320 milhões para seus acionistas e ainda há tempo para participar

Em resumo, a situação da Petrobras está envolta em incertezas, o que está influenciando significativamente o comportamento dos investidores e o volume de negociações das ações PETR4.

“Haddad (o ministro da Fazenda, Fernando Haddad) não nega, e eu não nego, que é importante ter as entradas das receitas”

Afirmou Durigan durante evento promovido pelo jornal Valor Econômico

Durigan afirmou que o ano passado teve os primeiros resultados fiscais positivos do governo, mas a reforma tributária é que vai garantir a consolidação fiscal no longo prazo.

“A consolidação fiscal se iniciou ano passado, vemos agora no início de 2024 um atingimento de bons resultados. Mas é uma agenda que ao longo do tempo será cumprida pela reforma tributária, que vai trazer a recomposição mais abrangente do nosso sistema tributário”,

Argumentou o secretário-executivo do Ministério da Fazenda.

Prates fica?

A reunião que seria realizada no domingo (07),  antes da abertura do mercado e que traria definições sobre a permanência ou exclusão de Jean Paul Prates, como CEO da Petrobras, foi cancelada e de acordo com informações, o motivo foi a irritação do presidente Lula com o vazamento da reunião, com os ministros e declinado.

Leia mais  Ex-presidente da Petrobras defende privatização da estatal

Rumores sobre a possível saída de Prates do comando da Petrobras (PETR4), tomou conta dos noticiários e na sexta-feira (05), o ministro da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República, Paulo Pimenta, afirmou que a Petrobras contaria com um ambiente de estabilidade nos próximos dias.


Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais

Ibovespa abre com queda impulsionado por negativas de B3 e Vale

Paola Rocha Schwartz

Ibovespa cai com preocupações sobre inflação e novos líderes na Petrobras

Rodrigo Mahbub Santana

Vendas de iPhones da Apple disparam 52% na China

Rodrigo Mahbub Santana

Ibovespa abre em alta com impulsos de B3, Petrobras e bancos

Paola Rocha Schwartz

Petrobras: Navio-plataforma impulsionará produção no pré-sal

Rodrigo Mahbub Santana

Governo destina R$ 15 bi a empresas atingidas por enchentes no RS

Rodrigo Mahbub Santana

Deixe seu comentário