Guia do Investidor
juros
Notícias

B3: produtos ligados a juros batem recorde em 2023

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

O início do ciclo de corte da taxa Selic e aprimoramentos realizados pela B3 nos últimos dois anos fizeram com que os produtos ligados a juros no mercado de derivativos batessem recordes de negociação na bolsa em 2023. Dados da B3 mostram que foram negociados 1,2 bilhão de contratos no ano, o que equivale a uma média de 4,8 milhões de contratos por dia (ADV), um crescimento de 60% em relação a 2022.

O destaque foi o EDS (Exchange Defined Strategies), lançado em maio de 2022, que se consolidou ao longo de 2023 com 30,9 milhões de contratos negociados. O número é mais de 80 vezes maior do que os 370,4 mil negociados em 2022. O ADV deste produto passou de 2,5 mil para 124 mil contratos negociados diariamente.

Leia mais  Ano Novo: como começar 2024 com tranquilidade financeira

O produto é uma combinação de dois vencimentos diferentes de um contrato para quem quer negociar estratégias da curva de juros do país. Negociando por meio dele, os clientes ganham eficiência operacional e tarifária, em alguns casos chegando a uma redução de até 90% nos custos, se comparado à operação via contratos individuais.

“2023 foi um ano importante para consolidação desses produtos. Os números mostraram um desempenho muito acima de anos anteriores, confirmando que todas as mudanças e lançamentos realizados nos últimos anos pela B3 fizeram com que os produtos aderissem melhor à estratégia dos investidores. Estamos atentos às demandas do mercado para continuar aperfeiçoando nosso portfólio”, afirma Felipe Gonçalves, superintendente de Produtos de Juros e Moedas da B3.

O Futuro de DI, derivativo de juros mais negociado do mundo (em quantidade de contratos), teve um salto de 32% na média diária de contratos negociados, partindo de 2,6 milhões de contratos em 2022 para 3,5 milhões em 2023.

Na Opção de Copom, produto que permite negociar a variação da taxa Selic meta, a média do número de contratos negociados por dia quase dobrou, passando de 1,7 mil em 2022 para 3,1 mil contratos em 2023.

As Opções de IDI também apresentaram forte crescimento no ano passado. Foram negociados 292,2 milhões de contratos no ano, mais de 3 vezes acima dos 91,4 milhões negociados em 2022. O ADV foi de 1,2 milhão de contratos em 2023, contra 362,5 mil em 2022. Por meio desse produto, os clientes conseguem se proteger contra cenários de alta ou baixa das taxas de juros.

Leia mais  Taxa Selic: veja as expectativas de especialistas para próxima reunião do Copom

O DAP (Futuro de Cupom IPCA), ferramenta de proteção contra flutuações da taxa de juro real brasileira, segue ano após ano quebrando recordes, atingindo 58 mil de ADV em 2023, representando um crescimento de 66% em comparação aos 34 mil do ano anterior.

Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais

Incerteza nos EUA e tensões no Oriente Médio impactam o mercado

Rodrigo Mahbub Santana

Itaú alerta que ciclo de queda pode terminar antes do previsto

Paola Rocha Schwartz

Diferença de juros entre Brasil e EUA é a menor desde 2020

Márcia Alves

Copom faz redução de 0,50 pp na taxa Selic

Márcia Alves

Juros dos EUA foram mantidos na faixa de 5,25% a 5,50%

Márcia Alves

Taxa Selic deve atingir ao menor nível em dois anos

Márcia Alves

Deixe seu comentário