Guia do Investidor
desemprego empresas
Coronavírus Newsletter Notícias

Queda das vendas faz Stone demitir 1300 funcionários

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

A empresa de meios de pagamento Stone (STNE) anunciou hoje (12) a demissão de 20% de seu quadro de funcionários. O número representa 1.300 pessoas, que serão informadas individualmente.

Segundo o texto, assinado pelo presidente da companhia, Thiago Piau, a empresa sempre seguiu a estratégia de ter 100% da equipe na folha de pagamento. Com o tombo nas vendas do varejo, houve o que o executivo chamou de “descasamento entre investimentos e receitas”.

Os dados oficiais de vendas do varejo de março, justamente o primeiro mês onde começou as medidas de restrição de combate ao Covid-19, serão divulgados amanhã pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

Dados de outras empresas de maquininhas de cartão e de associações comerciais mostram que o fechamento de comércios em todo o país levou a uma queda de até 70% nas vendas especialmente de bares e restaurantes.

Auxílio para demitidos

A Stone, com ações negociadas nos Estados Unidos, divulgará os resultados do primeiro trimestre ainda esse mês, exatamente no dia 26. A empresa afirma que estenderá o plano de saúde e o pagamento do auxílio alimentação, doará computador e celular e também dará uma ajuda em dinheiro aos demitidos.

A empresa também está oferecendo aos demitidos dois meses de LinkedIn Premium. Vale destacar que a empresa divulgou que para decidir quem seriam as pessoas demitidas, a empresa buscou seguir os valores da empresa: meritocracia, busca pela excelência e carinho pelas pessoas.

O Brasil não tem estatísticas claras de quantas pessoas já perderam o emprego desde o início da pandemia do novo coronavírus. Na segunda (11), o governo afirmou que 1,5 milhão de trabalhadores já solicitaram o seguro-desemprego. Outros 7 milhões que trabalham com carteira assinada já tiveram a jornada e o salário reduzidos ou suspensos.

Ações caem com demissões

A empresa anunciou aos colaboradores sobre a demissão de 20% do quadro de funcionários através de uma videoconferência interna nesta manhã com o presidente Tiago Piau. A empresa divulgou que a demissão têm relação com a crise desencadeada pela pandemia da Covid-19.

Listada em Nova York, a ação da Stone (STNE) caiu 3,45% na segunda-feira e é negociada com queda de 0,41% no premarket desta manhã. A empresa reportará o balanço financeiro do primeiro trimestre em 26 de maio.

Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais

Sudeste é mais de 50% da distribuição de empregos no setor de casa e decoração

Guia do Investidor

7 milhões de brasileiros se demitiram voluntariamente no país, aponta pesquisa

Guia do Investidor

Brasileiros querem trocar de emprego em até 12 meses, aponta pesquisa

Guia do Investidor

Seguro desemprego atinge maior nível dos últimos três anos nos primeiros 7 meses de 2023

Guia do Investidor

96% dos profissionais brasileiros estão abertos a novas oportunidades de emprego, revela pesquisa

Guia do Investidor

Pesquisa: 7 em 10 conhecem alguém que está sem emprego; 52% estão com contas em atraso

Guia do Investidor

Deixe seu comentário