Guia do Investidor
suzano preço celulose
Notícias

Suzano (SUZB3) elevará preço da celulose de eucalipto na Ásia

A (SUZB3) informou que irá elevar os preços da tonelada de sua commodity, de eucalipto, no mercado asiático em US$ 50. De acordo com as fontes, o novo valor passará a vigorar a partir do início de fevereiro deste ano.

Dessa forma, esta é a terceira vez que a companhia brasileira altera o preço do produto para clientes nesse mercado. Isto é, ainda em dezembro, a Suzano elevou os preços em US$ 20 por tonelada. Além disso, no início de janeiro, elevou novamente em US$ 30 por tonelada.

De acordo com o Morgan Stanley, a expectativa é de que os preços de celulose continuem subindo ao longo do segundo trimestre de 2022. Um dos motivos para isso é as sucessivas restrições de demanda por papel pela .

“Baixos estoques de celulose de fibra curta na China, melhores taxas operacionais para os produtores locais de papel e persistentes restrições logísticas globais estão fornecendo suporte para os produtores de celulose aumentarem os preços.”

disseram analistas do banco norte-americano.

O terceiro trimestre da Suzano

Durante o terceiro trimestre deste ano, a Suzano reportou um prejuízo líquido de R$ 959,3 milhões. Dessa forma, houve uma melhora de 17% em relação ao mesmo período do ano passado, quando somou um prejuízo de R$ 1,158 bilhão. Contudo, a companhia reverteu o lucro de R$ 10,037 bilhões do segundo trimestre deste ano. De acordo com a companhia, tal se explica pelo resultado financeiro negativo devido à variação cambial.

Leia mais  Ibovespa segue bolsas internacionais, e abre em queda

Além disso, em relação ao (lucro antes dos juros, impostos, depreciação e amortização), a Suzano reportou o valor de R$ 6,310 bilhões. Portanto, houve um crescimento de 67% em relação ao terceiro trimestre de 2020. Já em relação ao segundo trimestre deste ano, o crescimento foi de 6%. Assim sendo, a margem EBITDA da companhia avançou 8 pontos percentuais no comparativo anual e recuou 1 ponto no trimestral.

De acordo com a Suzano, este foi o maior EBITDA trimestral de sua história e se deve à demanda aquecida ne negócio de papel, “com alto volume de e nova evolução de preços tanto no mercado doméstico como no mercado internacional”.

Avalie este post:
[Total: Média: ]

NÃO DURMA NO PONTO!
Receba as mais quentes do mercado em primeira mão no seu Telegram:
ATIVAR AGORA!

Nossas redes:

Leia mais

Suzano (SUZB3) aprova novo programa de recompra de ações

Ruan Sousa

Suzano (SUZB3): empresa alcança lucro líquido de R$ 10,3 bilhões no 1ºT22

Ruan Sousa

Juros, Rússia e China: Confira tudo o que afeta a bolsa na abertura hoje

Leonardo Bruno

As Melhores ações para Maio de 2022

Leonardo Bruno

Suzano anuncia aquisição de participação em fundos florestais por US$ 667 milhões

Leonardo Bruno

Magazine Luiza (MGLU3) e Suzano (SUZB3): empresas confirmam o pagamento de proventos

Ruan Sousa

Deixe seu comentário