Guia do Investidor
eletrica
Resultados 1T22

Energias do Brasil (ENBR3): lucro da empresa aumenta 20,4% no 1° tri, na base anual

A Energias do Brasil (ENBR3) reportou lucro líquido ajustado de R$ 386,059 milhões no . Ou seja, alta de 20,4% na comparação com os R$ 320,729 milhões aferidos no 1T21.

Assim sendo, o lucro antes do ajuste por ativo financeiro indenizável (VNR), transmissão (IFRS), lucro regulatório de transmissão e prêmio de risco, ficou em R$ 522,798 milhões. Ou seja, alta de 5,4% na relação com os R$ 495,781 milhões do mesmo período do ano anterior.

Ademais, o Ebitda ajustado pelos efeitos não-recorrentes e não-caixa subiu 31,9%, chegando a R$ 1,064 bilhão no 1T22. Isto é, na comparação com os R$ 807,472 milhões do mesmo período do ano passado.

Diante disso, o Ebitda conforme Instrução CVM 527 ficou em R$ 1,306 bilhão, alta de 17,00% em relação ao mesmo período de 2021.

Em relação a receita operacional líquida no primeiro trimestre de 2022, esta subiu 11,0%, para R$ 2,239 bilhões. Isto é, contra os R$ 2,108 bilhões do mesmo período de 2021.

Leia mais  Para voltar a lucrar: Confira a carteira para outubro recomendada pelo Inter

Desse modo, o resultado veio em decorrência de reajustes tarifários das distribuidoras, ocorridos em 2021. Isto é, com efeito médio percebido pelo consumidor de 12,39% na EDP SP e de 9,75% na EDP ES.

Mais sobre os resultados da Energias do Brasil

Ademais, a companhia finalizou o trimestre com dívida bruta de R$ 12,8 bilhões. Isto é, aumento de 20,7%, desconsiderando as dívidas dos ativos não consolidados, que representaram R$ 1,3 bilhão.

Desse modo, segundo mensagem do presidente da empresa, João Marques da Cruz,

“2022 é um ano ambicioso para a EDPBrasil, de foco constante na implementação da nossa estratégia e resultados”

afirmou o presidente
Avalie este post:
[Total: Média: ]

NÃO DURMA NO PONTO!
Receba as mais quentes do mercado em primeira mão no seu Telegram:
ATIVAR AGORA!

Nossas redes:

Leia mais

Modal (MODL11) lucra 88,4% a mais no 1º trimestre, a R$ 45,2 mi

Ruan Sousa

Cemig (CMIG4) tem alta de 244,6% no lucro no 1º trimestre de 2022, para R$ 1,455 bi

Ruan Sousa

Cosan (CSAN3) tem lucro ajustado de R$ 263 mi no 1º tri de 2022, queda de 69,1%

Ruan Sousa

SYN (SYNE3) reverte lucro em prejuízo de R$ 6,6 milhões no 1º trimestre

Ruan Sousa

Impulsionada pelo mercado B2C, Infracommerce (IFCM3) registra receita líquida de R$ 194,5 milhões

Ruan Sousa

Anima (ANIM3): margem contrai e empresa reduz lucro líquido no 1T22, na base anual

Ruan Sousa

Deixe seu comentário