Guia do Investidor
imagem padrao gdi
Notícias

Dólar avança 2,9% na semana, apesar de correção e desaceleração econômica nos EUA

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

Dólar recua 0,55% nesta quinta-feira, mas acumula alta de 2,92% na semana, com preocupações locais e desaceleração da economia americana.

O dólar apresentou uma correção nesta quinta, devolvendo parte da alta de 3,5% acumulada nas últimas três sessões. A moeda foi influenciada pelo recuo no exterior, devido à safra de balanços fracos nos EUA e ao aumento de pedidos de seguro-desemprego, que reforçaram preocupações com a desaceleração da economia americana.

No Brasil, a véspera de feriado reduziu a liquidez e limitou uma queda maior da moeda, que se mantém acima dos R$ 5. Investidores seguem cautelosos com a possibilidade de abertura de uma CPMI dos atos antidemocráticos na próxima semana.

Dólar fecha em baixa de 0,55% nesta 5ªF, influenciado por desaceleração da economia nos EUA e tensões locais

O dólar corrigiu seus excessos nesta quinta-feira (20), recuando 0,55% e fechando a R$ 5,0584, após oscilar entre R$ 5,0373 e R$ 5,0867.

A moeda acompanhou o recuo no exterior, influenciada pela safra de balanços fracos nos Estados Unidos, especialmente da Tesla, e pelo aumento de pedidos de seguro-desemprego. Esses fatores reforçaram a preocupação com a desaceleração da economia americana.

Leia mais  Mercados aguardam decisões do PBoC e Ata do Fed

A ata do Federal Reserve (Fed), considerada “hawkish”, também colaborou para que o euro ganhasse terreno sobre o dólar. No Brasil, a véspera de feriado reduziu a liquidez e limitou uma queda maior da moeda, que segue acima dos R$ 5.

Investidores mantêm a cautela diante da possibilidade de abertura de uma Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) dos atos antidemocráticos na próxima semana, que pode atrasar a tramitação do arcabouço fiscal no Congresso.

Na semana, o dólar acumulou alta de 2,92%. Às 17h02, o dólar futuro para maio caía 0,38%, a R$ 5,0635. Lá fora, o índice DXY recuava 0,10%, aos 101,861 pontos. O euro subia 0,08%, para US$ 1,0964. E a libra operava estável (+0,02%), a US$ 1,2438.


Leia mais  Dólar fecha semana em alta de 1,5%
Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais

Ibovespa abre em queda e Eletrobras inicia com sinais trocados

Paola Rocha Schwartz

Dólar dispara frente ao Real com impacto de decisões da Petrobras

Guia do Investidor

Dólar recua após Powell e Lagarde manterem expectativas sobre juros

Guia do Investidor

Powell sinaliza cortes de juros e dólar recua

Guia do Investidor

Dólar sobe em dia de incerteza nos EUA e China

Guia do Investidor

Dólar cai; mercado aguarda China, Powell e payroll

Guia do Investidor

Deixe seu comentário