Guia do Investidor
Dicas

Gestão de risco: entenda a importância para seus investimentos

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

Gestão de risco é essencial em toda e qualquer empresa, mas muito mais fundamental para quem trabalha com investimentos. Veja abaixo o que é e como usar a gestão de risco.

O principal objetivo da Gestão de riscos, é identificar e minimizar possíveis riscos do mercado em relação ao seu negócio. Ou seja, é antever o risco e já providenciar a solução.

Com essa análise de risco é possível estudar qual a melhor tomada de decisão a tomar em determinada situação. De acordo com as possibilidades, criam-se planos para que os impactos sejam menos negativos possíveis.

É necessário o uso de estatísticas para tentar prever os possíveis acontecimentos financeiros. Assim é possível pensar sobre futuras ações judiciais, variação das taxas de juros, inadimplência entre outras.

Como é feita a gestão de risco?

Existem dois tipos de gestão de risco, a qualitativa e a quantitativa. A duas são feitas de formas diferentes, porém ambas são importantes para avaliar o risco real e antecipar possíveis providências.

A análise qualitativa, é feita por escrito, nela são definidas as incertezas do mercado em relação ao seu negócio. Com isso são propostas soluções que poderão ser adotadas caso algum dos riscos de fato se torne real.

A análise quantitativa é criada com base em gráficos estatísticos com variáveis que podem ocorrer na trajetória. Assim, são criadas situações fictícias, mas possíveis dentro do mercado.

Com base nessas situações, são feitas simulações, para definir qual a melhor estratégia a ser adotada em cada situação. Assim é possível decidir antecipadamente qual a melhor decisão.

A gestão de risco não vai zerar os riscos do seu negócio, apenas irá ajudar a tomar as melhores decisões apesar dos riscos. Vai ajudar com dados estatísticos a contornar situações adversas.

Todas as empresas precisam trabalhar com gestão de risco, pois situações inesperadas podem acontecer. Porém as que trabalham com mercado financeiro, devem usá-lo de forma contínua e em todos os aspectos.

Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais

Ânima (ANIM3) e DNA Capital fecham acordo de participação societária

Mateus Sousa

Ações em queda: hora certa de investir na bolsa?

Guia do Investidor

Lições que o caso Americanas deixou para os investidores

Autor Convidado

UE: Montadoras registram lucros variados e Reino Unido em recessão

Guia do Investidor

Pedidos de recuperação judicial crescem quase 70% em 2023

Guia do Investidor

Perdeu o prazo de adesão ao Simples Nacional? Veja como regularizar

Guia do Investidor

Deixe seu comentário