Guia do Investidor
Agrogalaxy
Resultados 1T22

Alta dos juros pesa e prejuízo da AgroGalaxy sobe em 131% no 1T22

O aumento da taxa fez a (AGXY3) obter um prejuízo líquido ajustado 131% maior no 1T22, mas se a sazonabilidade do negócio não permite a diluição das despesas fixas e financeiras no período, também explica que os recordes dos operacionais obtidos de janeiro a março deverão ser maiores no semestre que vem.

A receita líquida ajustada pulou 161% sobre o 1T21, para R$ 3,1 bilhões, conforme a divulgação do balanço nesta segunda (16). Considerando que R$ 1,7 bilhão vieram de insumos, que representam no período de 16% a 19% da receita líquida anual, Maurício Puliti, CFO da companhia varejista do , lembra que o melhor estar por vir.

“As empresas compram mais insumos, como fertilizantes e defensivos, no segundo semestre”, diz ele, fazendo menção à semeadura da soja, a partir de setembro, e do milho, a partir de novembro.

A de pedidos já foi 144% maior em março, sobre março 21, somando R$ 3,4 bilhões, embora entre 15% e 20% dela, segundo Puliti, são de aquisições para o milho de inverno, já plantado.

Portanto, além do grosso do faturamento vir depois, a elevação “drástica” das taxas de juros, da média de 2,2% para 10,5%, na base trimestral, é “algo natural o prejuízo [R$ 45 milhões] nesta época do ano”.

Leia mais  Após 1T22 ruim, CSN traça plano para voltar a lucrar alto nos próximos resultados

Outro destaque que amortece o alerta do prejuízo é que houve redução do spread da dívida, de 4,2% para 3,4%, além do que os ganhos do Retorno sobre Capital Investido (ROIC) marcou 22,2% nos últimos 12 meses, 6,4 pontos percentuais sobre o mesmo período do ano anterior.

Feito o parêntese, o que o executivo da Agrogalaxy ainda chama atenção, em conversa exclusiva, é sobre o potencial de geração de caixa na atividade fim, mais a evolução da produtividade e eficiência no período em questão. Nesse caso, o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização deverá atrair os olhares dos investidores.

O Ebitda, como se traduz na sigla em inglês, foi outro recorde, de R$ 130 milhões, 356% superior, enquanto a margem ajustada ficou 4,1% “quase o dobro do mesmo indicador apresentado no mesmo período de 2021”.

NÃO DURMA NO PONTO!
Receba as mais quentes do mercado em primeira mão no seu Telegram:
ATIVAR AGORA!

Nossas redes:

Leia mais

Allied (ALLD3), Boa Safra (SOJA3), AgroGalaxy (AGXY3) e Vittia (VITT3): empresas confirmam dividendos!

Ruan Sousa

Agropecuária lidera o desempenho das exportações e a indústria extrativa o das importações

Diego Marques

Com alta de 15,8% Lucro da Agrogalaxy chega a R$ 137,1 milhões no 4T21

Leonardo Bruno

Notícias da bolsa: AGXY3, CSED3, ELMD3 e KLBN11

Ruan Sousa

Agrogalaxy (AGXY3) conclui aquisição da Agrocat por R$ 180 mi

Diogo Albuquerque

A Melhor Ação de Agronegócio para 2022? Confira a ação que pode disparar 60%

Leonardo Bruno

Deixe seu comentário