Guia do Investidor
resultados 2t23 9
Resultados

Banco BV lucra R$ 284 milhões no 2T23 com queda de 29%

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

O banco BV, anteriormente conhecido como Votorantim, divulgou seus resultados do segundo trimestre de 2023, registrando um lucro líquido recorrente de R$ 284 milhões. Esse valor representa uma queda de 29,2% em comparação com o mesmo período do ano passado e um aumento de 1% em relação ao primeiro trimestre de 2023. Segundo o banco, a inadimplência continuou a impactar seus resultados no comparativo anual.

A carteira de crédito do BV cresceu 10,7% em um ano, totalizando R$ 84,8 bilhões. O maior crescimento ocorreu nos negócios em que o banco tem atuação mais recente, como o financiamento a painéis solares, que registrou um aumento de 26,9% ao longo do último ano.

No segmento de financiamento de veículos, a carteira do BV cresceu 6,7% no período, alcançando R$ 42,9 bilhões. No setor atacadista, em que o banco atende a grandes empresas, o crescimento foi de 8,5%, totalizando R$ 25,5 bilhões.

A receita total do BV teve um crescimento de 7,3% em um ano, atingindo R$ 2,619 bilhões. Nessa linha, o banco inclui tanto as margens obtidas com crédito quanto as receitas provenientes de serviços prestados.

O BV observou um aumento na inadimplência acima de 90 dias, que subiu 1,1 ponto percentual em um ano e 0,2 ponto em um trimestre, chegando a 5,4%.

Leia mais  Estratégia ou desespero? Allos planeja recomprar 5% do próprio capital

O custo de crédito, que engloba despesas com provisões contra inadimplência, aumentou 72,1% em relação ao mesmo período do ano anterior, totalizando R$ 1,034 bilhão. O índice de cobertura recuou de 203% para 154% em um ano, e o índice de Basileia caiu de 17,3% para 14,7%.

Imagine-se navegando em alto mar sem uma bússola. Cada onda representa uma decisão financeira, e sem orientação, é fácil se perder nas correntezas do mercado. É aí que entra a consultoria financeira. Como um farol na escuridão, ela oferece direção clara e segura para alcançar suas metas.

É por isso que o Guia do Investidor orgulhosamente lançou o GDI Finance, com a missão de ser o mapa para o seu sucesso financeiro, mas também para navegar junto ao seu lado. Com anos de experiência, nossos consultores são como capitães experientes, guiando-o pelas águas turbulentas da economia.

Desde a navegação para a aposentadoria tranquila até a jornada para aquisição de bens, o GDI Finance foi criado para simplificar sua trajetória. Com estratégias personalizadas e insights precisos, transformamos desafios em oportunidades e sonhos em realidade.

É hora de aprender a navegar tranquilo por águas turbulentas, alcançaremos horizontes que você nunca imaginou possíveis. Conheça a nossa consultoria financeira hoje mesmo.

Ronaldo Helpe, diretor financeiro do banco, mencionou que esses números refletem um cenário mais desafiador que o do ano anterior, mas com sinais de melhora em relação ao primeiro semestre. Ele destacou que a queda dos juros deve beneficiar as empresas, que possuem dívidas atreladas ao CDI. O banco também enxerga perspectivas positivas em áreas como o financiamento de placas solares, onde um menor patamar de juros pode aumentar o interesse dos clientes.

Leia mais  Pague Menos ou "Lucre Menos"? PGMN3 apresenta prejuízo de R$ 10 milhões no resultado 2T23

O BV se mostra otimista quanto ao banco de investimento, após a retomada das operações no mercado de capitais. Para o segundo semestre, a expectativa é de uma queda no custo de crédito, diante da originação mais cautelosa apresentada até o momento.

O banco mantém uma postura cautelosa em relação à originação de crédito no segundo semestre, focando especialmente em produtos com garantia. Cerca de 90% da carteira destinada a pessoas físicas possui algum tipo de colateral. O banco acredita que linhas como o crédito com garantia de veículo serão beneficiadas pelo marco das garantias, em tramitação no Congresso. Além disso, o financiamento às cadeias de pequenas e médias empresas também está no foco do BV.

Confira mais recomendações

Está em busca de novas oportunidades de investimento? Aqui no Guia do Investidor, nós oferecemos uma ampla seleção de análises, recomendações e indicações de preços-alvo para as principais ações e ativos da bolsa de valores brasileira. Nossa equipe de especialistas está sempre atenta ao mercado, identificando as melhores opções para você ampliar e diversificar sua carteira.

Entendemos que cada investidor tem suas próprias metas e tolerância ao risco. Por isso, oferecemos uma variedade de recomendações que se adequam a diferentes perfis e objetivos. Seja você um investidor conservador, moderado ou agressivo, encontrará em nosso site análises detalhadas e recomendações fundamentadas para auxiliar em suas decisões de investimento.

Leia mais  Empresas do Centro-oeste precisam se adequar ao reporte de processos trabalhistas, diz KPMG

Além disso, sabemos que o mercado financeiro é dinâmico e as oportunidades podem surgir a qualquer momento. Por isso, atualizamos constantemente nossas recomendações, para que você possa aproveitar as melhores oportunidades assim que elas aparecem.

Para conferir nossas últimas análises e recomendações, basta clicar aqui.

Conhece a agenda de resultados? 

Por fim, você quer se organizar para acompanhar as datas dos Resultados do 2T23? Então, não deixe para depois e confira a Agenda de Resultados do Guia do Investidor. No calendário estão reunidas todas as datas da divulgação dos Resultados do 2T23 das empresas listadas na bolsa de valores brasileira. Claro que sempre de formas simples e prática. Dessa forma, basta acessar clicando aqui!


Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais

Governo Lula propõe aumento dos tributos empresariais

Paola Rocha Schwartz

Employee experience: metodologia pode impactar a empresa

Guia do Investidor

Faturamento de PMEs cresce 10% em maio, segundo IODE-PMEs

Guia do Investidor

Complexidade tributária custa 6% do faturamento da empresas

Guia do Investidor

Vale investe US$ 3,3 bilhões em produção de cobre e níquel

Rodrigo Mahbub Santana

Casas Bahia tem plano de recuperação aprovado

Rodrigo Mahbub Santana

Deixe seu comentário