Guia do Investidor
offline
Notícias

Máquina da Stone sai do ar e prejudica happy hour nesta quinta-feira

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

Segundo relatos de leitores e do site Down Detector, os serviços de pagamento da Maquininha da Stone saíram do ar na noite desta quinta-feira, deixando bares e outros estabelecimentos em um “completo apagão”. Pelo menos para aqueles que dependem de uma só maquininha.

DICA: Veja quais são AS MELHORES MAQUININHAS DE CARTÃO DA ATUALIDADE

Como é possível ver na imagem abaixo, os usuários do site Down Detector começaram a relatar problemas após as 18hs, horário do famoso “Happy Hour” nas grandes capitais.

maquina stone sai do ar
maquina stone sai do ar

Com quedas no resultado e nas ações, ainda resta esperança para a Stone?

No segundo trimestre deste ano, a Stone registrou um volume total de pagamentos (TPV) de 91 bilhões de reais, representando um crescimento de +50 por cento comparado ao mesmo período de 2021.

Ainda na visão operacional, a receita da empresa mais do que dobrou. Por outro lado, o seu prejuízo atingiu -489 milhões de reais no trimestre. 

Já considerando os (muitos) ajustes, a nova entrante do setor de pagamentos entregou um resultado ajustado positivo em +76 milhões de reais este ano, revertendo os -159 milhões de reais registrados no segundo trimestre do ano passado. 

Ainda assim, grande parte dos números apresentados veio abaixo das expectativas do mercado —  justificando, mais uma vez, as quedas expressivas de seus papéis, aponta o nosso analista.

As ações da Stone (STNE) desabaram -23,75 por cento na bolsa de Nova York após a divulgação do resultado do segundo trimestre.

Leia análise completa sobre a stone

Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais

Stone abre mais de 170 vagas de emprego para área comercial

Guia do Investidor

Pulou fora: Stone vende sua participação no Banco Inter

Leonardo Bruno

Sistemas de gestão da Linx terão conta digital integrada com a Stone

Guia do Investidor

Com quedas no resultado e nas ações, ainda resta esperança para a Stone?

Leonardo Bruno

Após aquisição por Stone (STOC31), Linx compra empresa que liga varejistas a shoppings virtuais

Ruan Sousa

Lucro líquido ajustado da Stone (STOC31) atinge R$ 132,2 milhões no 1T22

Ruan Sousa

Deixe seu comentário