Guia do Investidor
Fonte/Reprodução
Notícias

Vale supera expectativas e ações sobem 2,6%

Nos siga no Google News

Continua após o anúncio

  • Ações da Vale em Alta: A empresa registra aumento de 2,6% nas ações após divulgar resultados que superaram expectativas.
  • Produção de Minério de Ferro: Produção alcança 70,8 milhões de toneladas no primeiro trimestre, 6% acima do ano anterior e 3,8% acima das previsões.
  • Preços de Venda Superiores: Preço médio de venda do minério de ferro atinge US$ 101 por tonelada e das pelotas US$ 172, ultrapassando as projeções do mercado.
  • Revisão de EBITDA: Analistas elevam projeções de EBITDA para o primeiro trimestre; Citi prevê US$ 3,9 bilhões, enquanto BTG e Itaú BBA ajustam para US$ 3,6 bilhões.
  • Desempenho Operacional Positivo: Mina S11D apresenta melhor produção para um primeiro trimestre desde 2020; ausência de problemas logísticos em Ponta da Madeira.
  • Vendas de Minério de Ferro: Vendas totalizam 63,8 milhões de toneladas, ligeiramente abaixo da produção devido a perdas e ajustes de umidade.
  • Desafios nos Metais Básicos: Vendas de níquel e cobre ficam abaixo das expectativas; produção de níquel afetada por paralisações para reforma.
  • Expectativa para Resultados Futuros: Vale deve anunciar resultados financeiros completos na próxima semana, com mercado otimista após dados preliminares.
Leia mais  Centauro: BTG aposta em 30% de alta nas ações

Na ultima terça-feira (16), as ações da Vale (VAL3) registram uma expressiva alta de 2,6% no início do pregão, reflexo direto da divulgação dos resultados operacionais do primeiro trimestre da empresa, que superaram as estimativas de mercado. Segundo informações liberadas pela própria mineradora, a produção de minério de ferro, incluindo finos e pelotas, alcançou 70,8 milhões de toneladas, representando um aumento de 6% em relação ao mesmo período do ano anterior e 3,8% acima do consenso de analistas consultados pela Bloomberg.

Além do volume de produção, o destaque fica para o preço médio de venda do minério, que também excedeu as projeções. O minério fino foi vendido a uma média de US$ 101 por tonelada e as pelotas a US$ 172 por tonelada, superando as expectativas do Citi, que antecipava preços de US$ 97 e US$ 157, respectivamente.

Em resposta aos resultados positivos, analistas de grandes instituições financeiras revisaram para cima suas projeções para o EBITDA da Vale do primeiro trimestre. O Citi elevou sua estimativa de US$ 3,4 bilhões para US$ 3,9 bilhões, enquanto o BTG e o Itaú BBA ajustaram suas previsões de US$ 3,2 bilhões para US$ 3,6 bilhões.

Os analistas do BTG destacaram a performance operacional da Vale, notando que as principais linhas de produção, que incluem finos de minério de ferro, pelotas e cobre, superaram as previsões em uma média de 2% a 5%. Especialmente notável foi o desempenho da mina S11D, no sistema Norte, que alcançou o maior nível de produção para um primeiro trimestre desde 2020. Vale ressaltar que, diferentemente do ano passado, não houve interrupções logísticas significativas no terminal de Ponta da Madeira.

No entanto, as vendas de minério de ferro no trimestre foram ligeiramente inferiores à produção, totalizando 63,8 milhões de toneladas. A empresa atribuiu essa diferença a algumas perdas, ajustes de umidade e acúmulo de estoque.

Leia mais  JSL divulga resultados

Apesar dos bons resultados na divisão de ferro, a Vale enfrentou desafios nas vendas de sua divisão de metais básicos, onde níquel e cobre registraram quedas de 22% e 7%, respectivamente, abaixo das estimativas do JP Morgan. A produção de níquel foi impactada por paralisações desde outubro para reforma em Onça Puma, com uma queda de 17,5% nas vendas em relação ao ano anterior, influenciada pela decisão da empresa de aumentar estoques para vendas futuras.

Imagine-se navegando em alto mar sem uma bússola. Cada onda representa uma decisão financeira, e sem orientação, é fácil se perder nas correntezas do mercado. É aí que entra a consultoria financeira. Como um farol na escuridão, ela oferece direção clara e segura para alcançar suas metas.

É por isso que o Guia do Investidor orgulhosamente lançou o GDI Finance, com a missão de ser o mapa para o seu sucesso financeiro, mas também para navegar junto ao seu lado. Com anos de experiência, nossos consultores são como capitães experientes, guiando-o pelas águas turbulentas da economia.

Desde a navegação para a aposentadoria tranquila até a jornada para aquisição de bens, o GDI Finance foi criado para simplificar sua trajetória. Com estratégias personalizadas e insights precisos, transformamos desafios em oportunidades e sonhos em realidade.

É hora de aprender a navegar tranquilo por águas turbulentas, alcançaremos horizontes que você nunca imaginou possíveis. Conheça a nossa consultoria financeira hoje mesmo.

O preço do minério de ferro, que subiu mais de 4% esta manhã, também contribuiu para o otimismo do mercado em relação às ações da empresa. A Vale anunciará seus resultados completos na próxima semana, com expectativas de mercado agora ajustadas para refletir o forte início de ano.

Leia mais  Ações da Magazine Luíza estão "bolhadas"

Nos siga no Google News

DICA: Siga o nosso canal do Telegram para receber rapidamente notícias que impactam o mercado.

Leia mais

Ações da Porto disparam: o que aconteceu?

Rodrigo Mahbub Santana

JBS alcança lucro bilionário e forte crescimento no 1º trimestre

Rodrigo Mahbub Santana

Ibovespa fecha em alta moderada em dia de cautela nos mercados

Rodrigo Mahbub Santana

BTG Pactual registra lucro de 2,9 bilhões no 1T24

Márcia Alves

Prejuízo ajustado da Azul cai 55,4% no 1º tri para R$324 milhões

Paola Rocha Schwartz

Deixe seu comentário